PSOL participa da Conferência da Cidade de Niterói

 

No sábado passado, dia 5 de outubro, estive na Conferência da Cidade de Niterói, discutindo e apresentando propostas com relação a três temas principais: habitação de interesse social, ocupação do solo e mobilidade.

 

A conferência permitiu que representantes de vários segmentos sociais (executivo, legislativo, empresários, membros de entidades acadêmicas - UFF e o IPPUR/UFRJ - e entidades profissionais – CAU e OAB -, trabalhadores e movimentos sociais) se reunissem e mostrassem o que querem para a cidade. Esta foi uma conquista muito importante, pois Niterói, até o momento, foi a única cidade do Estado do Rio de Janeiro em que ocorreu a Conferência, isto num contexto de extinção do Ministério das Cidades, dos Conselhos das Cidades, além do ciclo de conferências que acontecia a cada três anos, em todos os 5.570 municípios no Brasil.

 

Várias propostas importantes foram aprovadas no sentido de garantir a qualidade de vida a todos os cidadãos, inclusive aos trabalhadores que constroem nossa cidade. Pela primeira vez, por mobilização da sociedade civil a qual fizemos parte, foi aprovada a destinação de um percentual do orçamento municipal para garantir recursos para reduzir o déficit quantitativo e qualitativo de moradias (urbanização e regularização fundiária dos 131 assentamentos populares precarizados existentes em seu território, aproveitamento de imóveis abandonados que não cumprem sua função social e construção de novas moradias populares), o que é fundamental no cenário atual de completa falta de apoio financeiro do governo federal. Além disso, garantiu-se a qualidade das moradias destinadas à classe média, não aprovando proposta do mercado imobiliário no sentido de liberar, nos novos prédios, apartamentos sem exigência de área mínima e sem limitar o número máximo de unidades por andar.

 

Participei, em conjunto com companheiros do Fórum de Luta pela Moradia e do Núcleo de Política Urbana do PSOL, ativa e organizadamente de todas as discussões. Levamos propostas para o grupo de habitação e conseguimos reverter a liberação da construção sem limites aprovada no grupo de ocupação do solo.

 

Sabemos que este não é o fim de uma luta, mas sem dúvida está bem claro o que os cidadãos de Niterói desejam para sua cidade. Vamos continuar lutando, pois sabemos que só a luta muda a vida!

 

Foram eleitos conselheiros do COMPUR - Conselho Municipal de Políticas Urbanas de Niterói por mobilização dos movimentos sociais, entidades profissionais e acadêmicas da qual fizemos parte:
 

Regina Bienenstein (UFF) - Titular
Fernando Tinoco (OAB) - Titular
Daniel Sousa (CAU) - Titular

Cora Hisae Monteiro da Silva (OAB) - Suplente
Carlos Arthur de Araújo Teixeira (OAB) - Suplente
Cynthia Gorham (CAU) - Suplente

+

Pedal Sonoro (Movimento Social) - Suplente
ABIO - Associação de Agricultores Biológicos do RJ (Entidade) - Suplente

Please reload

Destaques

Talíria Petrone: “Escolhi ser mãe e sigo defendendo a legalização do aborto”

01/13/2020

1/6
Please reload

Mais notícias
Please reload

Arquivo de postagens
Please reload

PSOL | Partido Socialismo e Liberdade

Diretório Municipal de Niterói/RJ - Rua Doutor Celestino, 06 - Centro / CEP: 24020-091

Telefone: (21) 3619-5208 | e-mail: psol50niteroi@gmail.com

 

O conteúdo deste site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 3.0 Não Adaptada.