PSOL derrota bolsonarismo em Niterói e amplia bancada na Câmara


Professores do PSOL, Flavio Serafini e Josiane Peçanha receberam 23.846 votos na eleição para a prefeitura de Niterói, 9,82% do total, derrotando as chapas bolsonaristas da cidade e alcançando a segunda maior votação do pleito. Foram vencidos apenas pela chapa de Axel Grael, candidato do atual prefeito Rodrigo Neves, que contou com uma extensa aliança de 14 partidos (PDT / SOLIDARIEDADE / PT / CIDADANIA / PP / PL / PATRIOTA / AVANTE / PV / MDB / PSB / PRTB / REDE / PCdoB) e um orçamento milionário de R$2.125.424,12 para gastar com campanha.


O PSOL Niterói também teve 22.545 votos para vereador, 9% do total, ampliando sua bancada de duas para três cadeiras. A nova bancada do partido a partir de 2021 será composta pelo Professor Tulio (4.534 votos), Benny Briolly (4.367 votos) e Paulo Eduardo Gomes (3.978 votos). Serão seus suplentes a Professora Regina Bienenstein, Renatinho do PSOL e Bernarda Thailânia. Importante destacar, Benny será a primeira mulher negra trans a ocupar uma cadeira de vereadora na cidade, já assume fazendo história em Niterói.


Nacionalmente, o PSOL também alcançou o 2º turno em duas capitais: Belém e São Paulo, com Edmílson Rodrigues e Guilherme Boulos respectivamente, e ampliou sua bancada em muitas Câmaras por todo o país. Em pesquisa recente, o PSOL figurou como o partido com a 3ª maior preferência entre os brasileiros e esse resultado se confirmou nas urnas em 2020.

Cadastre-se para notícias do PSOL Niterói em seu celular e email

PSOL | Partido Socialismo e Liberdade

Diretório Municipal de Niterói/RJ - Rua Doutor Celestino, 06 - Centro / CEP: 24020-091

Telefone: (21) 3619-5208 | e-mail: psol50niteroi@gmail.com

 

O conteúdo deste site foi licenciado com uma Licença Creative Commons

Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada