• PSOL Niterói

Diretório do PSOL aprova pré-candidatura de Serafini à prefeitura de Niterói


O Diretório Municipal do PSOL Niterói aprovou por unanimidade, na noite dessa quinta (5) em reunião na sede do partido, o nome do deputado estadual Flavio Serafini para a disputa eleitoral à prefeitura em 2020. O nome de Serafini, entretanto, ainda precisará ser confirmado em Conferência Eleitoral que definirá nomes, programa e políticas do partido para as eleições municipais do ano que vem.

Quem é Flavio Serafini?

Flavio Serafini é nascido, criado e morador de Niterói, casado, pai de dois filhos, mestre em Sociologia e Direito pela UFF e professor licenciado sem remuneração da Fiocruz. Está em seu segundo mandato como deputado estadual do Rio de Janeiro pelo PSOL, depois de ser reeleito com 61.754 votos em 2018, sendo o deputado mais votado da cidade. Essa será a terceira vez que Serafini representará o PSOL nas eleições para prefeito em Niterói. Estreou como candidato ao governo municipal em 2014 e em 2016 recebeu 47.069 votos, o que representou mais de 20% dos votos válidos das eleições naquele ano. Propostas para Niterói Entre as principais propostas que o PSOL defende para Niterói, no tema da habitação está o investimento massivo na construção de casas populares para superar o déficit de mais de 40 mil habitações existente na cidade. No caso do transporte, a ideia é investir na massificação do transporte público de qualidade, por um baixo custo para o cidadão e que aposte na transição para formatos cada vez menos poluentes. Ampliar e integrar as ciclovias com o trânsito de toda a cidade é algo que Serafini vai levar a sério em sua gestão, segundo o pré-candidato precisamos colocar a bicicleta no centro do nosso plano de mobilidade urbana e também como importante aliada da saúde pública. Para a segurança, Niterói precisa encerrar os insanos tiroteios diários que estão matando diversos inocentes e apostar em inteligência e prevenção, casado com um forte processo de geração de empregos e distribuição de renda, principalmente para a juventude. Também está no programa do partido fortalecer os investimentos públicos em educação, saúde, cultura, esporte, lazer e todo tipo de direito que garanta uma vida com dignidade para todo e qualquer cidadão de Niterói, independente de sua condição financeira. Essas são algumas ideias gerais, o programa detalhado e definitivo do PSOL para Niterói será formulado por seus núcleos territoriais e setoriais temáticos de base, tendo que ser ainda referendado em Conferência Eleitoral do partido.

Educação como prioridade

Como bom professor, Serafini nunca escondeu que aposta na educação como principal instrumento de transformação social. Não à toa hoje ele preside a Comissão de Educação na Alerj é autor da Lei 2.963/2017 contra o fechamento arbitrário de escolas no estado do Rio de Janeiro. Também são de autoria do deputado niteroiense a Lei 7.383/2016 que garante a obrigatoriedade de bibliotecas em toda as escolas de ensino básico do nosso estado, a Lei 7427/2016 que garante o pagamento dos estudantes bolsistas do estado junto aos servidores, a Lei 7.605/2017 que instituiu o Bilhete Único Estudantil Intermunicipal e a Lei 7.830/2018 que conquistou o passe livre para os estudantes das redes municipal e federal, além da estadual, no Rio de Janeiro.

Tarifa social nas barcas de Charitas

Especificamente para Niterói, Flavio Serafini é autor da Lei 8.037/2018 que institui a tarifa social nas barcas do trajeto Charitas/Praça XV. Hoje a tarifa "seletiva" operada pelo consórcio CCR cobra R$17,60 por uma travessia de aproximadamente 20 minutos que praticamente inviabiliza um número gigantesco de trabalhadores da região a procurar emprego e acessar a cidade do Rio de Janeiro. Com a nova lei, pelo menos 50% das passagens oferecidas para o trajeto deverão ser comercializadas ao preço de R$6,30, a chamada tarifa social que já é praticada nas barcas da praça Arariboia. A luta pela tarifa social na Alerj ganhou forças quando Serafini passou a presidir a Frente em Defesa do Transporte Aquaviário do Rio de Janeiro e, após alguns anos de mobilização, a medida finalmente foi aprovada.

Defesa e ampliação do Parque Estadual Serra da Tiririca

Também em Niterói, é de Flavio Serafini a iniciativa de ampliar a demarcação do Parque Estadual Serra da Tiririca para proteger as lagoas de Itaipu e Piratininga dos interesses das grandes construtoras e empresários do mercado imobiliário de Niterói. Não é de hoje que sabemos da existência de projetos para a construção de prédios no entorno das lagoas, o que pode acabar decretando o fim de duas das mais exuberantes demonstrações de beleza do meio ambiente niteroiense. Reivindicando-se ecossocialista, o parlamentar é marcado pela sua radicalidade na defesa da natureza, já sendo, inclusive, presidente da Comissão Especial da Baía de Guanabara na Alerj.

Em tempos sombrios, podemos sonhar com o bem viver em Niterói Contra a ameaça de avanço de uma direita autoritária, violenta e despreparada que começou a existir na cidade, o PSOL Niterói também é uma alternativa à atual gestão municipal que tem dado fortes indícios de relações pouco transparentes com empresários do transporte, construtoras e grandes comerciantes da cidade. A candidatura de Flavio Serafini pelo PSOL Niterói vem para provar que o sonho de uma cidade democrática, com participação popular e que garanta o bem viver a todos os seus cidadãos é possível!

Conheça Flavio Serafini um pouco mais:

*Vídeo da campanha de 2018 para deputado estadual

*Vídeo da campanha de 2016 para prefeito

Cadastre-se para notícias do PSOL Niterói em seu celular e email

PSOL | Partido Socialismo e Liberdade

Diretório Municipal de Niterói/RJ - Rua Doutor Celestino, 06 - Centro / CEP: 24020-091

Telefone: (21) 3619-5208 | e-mail: psol50niteroi@gmail.com

 

O conteúdo deste site foi licenciado com uma Licença Creative Commons

Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada