• PSOL Niterói

Chacina de Santa Lúcia - 10 trabalhadores rurais são assassinados pela polícia no Pará


A Polícia Militar do Pará assassinou 10 trabalhadores rurais, 9 homens e 1 mulher, na manhã desta quarta-feira (24) na fazenda Santa Lúcia, no município de Pau D'arco no Pará. Segundo a Comissão Pastoral da Terra, o número de mortos pode aumentar, pois não se tem precisão do número de feridos que estão hospitalizados e seus respectivos estados de saúde.


A ação policial, autorizada pela Vara Agrária de Redenção passou por cima das orientações da Cartilha da Ouvidoria Agrária Nacional e das diretrizes do Tribunal de Justiça ao não delegar a tarefa para órgãos especializados para esse tipo de situação. Os corpos se encontram no necrotério do Hospital Municipal de Redenção e devem ser encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Marabá (PA) em breve. O governador do Pará Simão Jatene (PSDB), por meio de nota de seus órgãos oficiais, afirmou que a polícia foi recebida por "um grupo fortemente armado", por isso precisou reagir assassinando 10 pessoas.


A Fetraf - Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Estado do Pará, essa é a segunda maior chacina rural do páis, ficando atrás apenas da chacina de Eldorado dos Carajás, onde 19 trabalhadores rurais sem terra foram assassinados também pela polícia militar em 1996. Ainda segundo a Comissão Pastoral da Terra, em 2016 foram assassinados 61 trabalhadores rurais, o maior já contabilizado pela organização. Só em 2017 já são 36 assassinatos, sendo a mais recente, antes dessa chacina da fazenda Santa Lúcia, a Chacina de Colniza (MT) que matou 9 trabalhadores rurais.

Cadastre-se para notícias do PSOL Niterói em seu celular e email

PSOL | Partido Socialismo e Liberdade

Diretório Municipal de Niterói/RJ - Rua Doutor Celestino, 06 - Centro / CEP: 24020-091

Telefone: (21) 3619-5208 | e-mail: psol50niteroi@gmail.com

 

O conteúdo deste site foi licenciado com uma Licença Creative Commons

Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada